Sons of Winter


Ambientação do Reino

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 10:18:58

Sons of Winter

O que Acontece em Westeros?

Uma vez que queríamos construir o fórum de Legends of Ice and Fire, nossa prioridade era dar atividade às Terras das Coroas, pois é aí que grandes eventos começam a desencadear a história de Westeros. No entanto, não conseguimos obter a importância das outras terras e poder dar uma olhada a todos os usuários sobre o que acontece na área onde seus personagens são, decidimos abrir esta seção.

Cada zona de Reino atualmente está passando por um momento específico ligado ao que acontece na trama global. Tanto os usuários como a equipe podem abrir qualquer um desses eventos para permitir que os personagens se desenvolvam neles. Se algum de vocês quer participar ou propor um evento atual, pode contactar-nos e forneceremos todos os meios para realizar uma história. (lembrando que apenas os Lordes das casas tem autoridade para mudar a trama vigente na sua casa e região).


Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 10:23:32

Sons of Winter

O Norte


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

O Norte é uma das regiões que constituem os Sete Reinos de Westeros, já tendo sido um Reino soberano de mesmo nome antes da Guerra da Conquista. A região cobre toda a área ao sul da Muralha e a norte do Gargalo. O Norte foi governado pela Casa Stark por milhares de anos do castelo de Winterfell, até a Guerra dos Cinco Reis. Outras Casas notáveis do norte incluem Bolton, Umber, Karstark e Manderly. Bastardos nascidos no Norte recebem o sobrenome "Snow".

O Norte é grande em tamanho, o maior dos Sete Reinos, quase tão grande quanto os outros seis Reinos combinados. A região é pouco povoada, com vastas áreas silvestres, florestas, colinas cobertas por pinheiros e montanhas cobertas de neve, dotada de poucas e pequenas vilas e fortalezas. Seu clima é frio e duro no inverno, e mesmo no verão neva ocasionalmente.

O Norte possui duas grandes barreiras terrestres. A primeira, ao norte, é a Muralha, lar da Patrulha da Noite, que defende as fronteiras nortenhas das ameaças selvagens vindas das terras Para Lá da Muralha. A segunda, ao sul, é o triângulo de impenetráveis pântanos do Gargalo. A região é estreita e de terreno difícil, tornando-se uma barreira natural para o Norte, com Fosso Cailin, uma formidável fortaleza (hoje, em grande parte, em ruínas), guardando a única passagem, e a protegendo de invasões. Foi aqui que os Reis do Inverno controlaram inúmeras invasões de sulistas.

Espalhadas ao longo das costas leste e oeste, se encontram diversas ilhas, habitadas ou desertas. Dois rios principais cortam o Norte: o Faca Branca, que leva ao movimentado Porto Branco, permitindo uma rota de comércio entre Winterfell e o Mar Estreito, e o Rio Último, que corre norte em direção a Última Lareira. O Norte é banhado por dois grandes mares: o Mar do Poente a oeste, e o Mar Tremente ao leste.


Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 10:27:52

Ilhas de Ferro

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

As Ilhas de Ferro consistem num grupo de oito ilhas espalhadas pela Baía dos Homens de Ferro, localizada no Mar do Poente, na costa oeste de Westeros. É uma das regiões que constituem os Sete Reinos, e antigamente um reino soberano de mesmo nome, até a Guerra da Conquista. As ilhas são lar de um povo feroz, os Homens de Ferro. Atualmente, são controladas pela Casa Greyjoy de Pyke. Bastardos nascidos nas Ilhas recebem o sobrenome Pyke.

As Ilhas de Ferro consistem num grupo de oito ilhas espalhadas pela Baía dos Homens de Ferro, localizada no Mar do Poente, na costa oeste de Westeros, a oeste das Terras Fluviais, noroete das Terras Ocidentais, e a sul do Norte. As oito ilhas são chamadas Pyke, Grande Wyk, Velha Wyk, Harlaw, Salésia, Pretamare, Montrasgo e a mais distante, Luz Solitária. É a menor e menos povoada região dos Sete Reinos.

As Ilhas são pequenos e quase inférteis rochedos. Os mares que as cercam são tempestuosos e pedregosos, oferecendo poucos portos seguros e constantes ameaças de naufrágios. A ilha de Pyke outrora se estendia 'como uma espada' para fora do mar, mas esta localidade há muito se destruiu, e agora, em realidade, consiste de três ilhas separadas.

Lugares importantes



   Pyke, assento da Casa Greyjoy, uma antiga fortaleza construída ao topo de diversas torres de pedra que saem do mar, conectadas por traiçoeiras pontes de corda, significando uma grande dificuldade para qualquer exército invasor.

   Monte de Nagga, local aonde se realizam as Assembléias dos homens livres.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M



Terras Fluviais

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

As Terras Fluviais, ou Terras dos Rios, é a região central do continente de Westeros, consistindo-se de áreas ricas, férteis e populosas entre os ramos do Tridente e a norte da Torrente da Água Negra[1][2].

Por sua posição central, frequentemente se torna um campo de batalha. O "povo dos rios", como são conhecidos seus habitantes, são uma mistura de guerreiros, pescadores pacíficos e plebeus devotos. Bastardos nobres nascidos nas Terras Fluviais recebem o sobrenome Rivers.

Pelos últimos três séculos, a região é governada pela Casa Tully, de seu castelo em Correrrio, até sua derrota na Guerra dos Cinco Reis. Correrrio agora é controlada novamente pela Casa Tully, Senhores Supremos do Tridente e das Terras Fluviais, com assento em Harrenhal.

As Terras Fluviais compreendem uma região de planícies, florestas, colinas e inúmeros rios. As Terras se estendem ao norte, na área pantanosa do Gargalo, à nascente do Ramo Verde a leste, próximo à Estrada do Rei, ao sul até o rio Água Negra, a oeste até a Baía dos Homens de Ferro e as colinas das Terras Ocidentais. É indicado que as únicas fronteiras facilmente defensáveis das Terras Fluviais são ao norte. Apesar de existirem montanhas a leste e oeste, estas pertencem ao Vale e às Terras Ocidentais respectivamente. A oeste, o grandemente fortificado castelo do Dente Dourado guarda a entrada às Terras Fluviais, mas pertence ao Ocidente.

As Terras Fluviais recebem este nome devido ao grande número de rios presentes na região. O Ramo Verde, que corre dos pântanos do Gargalo para o sul, o Ramo Azul e o Ramo Vermelho, que correm do norte para sudeste, juntam-se a uma pequena distância da Vila de Lorde Harroway para formar o Tridente. O Ramo Vermelho corre de sua fonte nas montanhas a oeste até Correrrio, onde se combina com o Pedregoso e então corre para leste e se junta ao Tridente antes de desaguar no mar em Salinas. Ao sul, o Água Negra corta parte das Terras Fluviais.

As Terras Fluviais não contam com nenhuma grande cidade, mas diversos vilarejos, como Feirajusta, Vila de Lorde Harroway (apesar do nome), Salinas, Lagoa da Donzela e Septo de Pedra. Seus principais castelos são Correrrio, Harrenhal, Solar de Corvarbor, Guardamar, Barreira de Pedra, e as Gêmeas. Outros lugares digno de nota são as ruínas em Pedrasvelhas, onde em tempos antigos uma dinastia das Terras Fluviais possuía um castelo, e o Lago Olho de Deus, com sua Ilha das Faces.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M
Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 10:36:13

O Vale de Arryn

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Vale de Arryn, ou o Vale, é uma das regiões que constituem Westeros, e antigamente fora uma nação soberana conhecida como Reino da Montanha e Vale, antes da Guerra da Conquista. O Vale é governado pela Casa Arryn, do castelo conhecido como Ninho da Águia. Casas notáveis desta região incluem Hunter, Corbray, Redfort e Royce. Os Bastardos nascidos no Vale recebem o sobrenome Stone.

O Vale é localizado na costa oriental de Westeros, uma terra tranquila de terra negra fértil, com largos rios que se movem lentamente, e centenas de pequenos lagos que brilham como espelhos ao sol, protegidos por todos os lados por sua imensa e impenetrável cadeia de montanha.

O Vale tende a ser relativamente isolado, de maneira semelhante ao Norte e Dorne, de outras regiões dos Sete Reinos. Os duros invernos do Vale tornam viagens apenas possíveis durante estações mais amenas, e os rebeldes clãs da montanha tornam as viagens ainda mais perigosas. Pode-se chegar ao Vale através da Estrada de Altitude, que conecta o Vale às Terras Fluviais, protegida pelo Portão Sangrento.

As fronteiras do Vale são a Dentada ao norte, a Baía dos Caranguejos ao sul, as Montanhas da Lua a oeste, e o Mar Estreito ao leste. O vale consiste em várias regiões: o próprio Vale de Arryn; as Montanhas da Lua; os Dedos; as ilhas de Três Irmãs, Paps, Seixos; e a península em volta de Vila Gaivota.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M


Ocidente

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

As Terras Ocidentais, ou Terras do Oeste, são uma das regiões que constituem os Sete Reinos do continente de Westeros, governada pela Casa Lannister do alto do Rochedo Casterly. Antes da Conquista Targaryen, era conhecida como Reino do Rochedo. Bastardos das Terras Ocidentais recebem o sobrenome Hill (colina).

Uma grande parte das Terras Ocidentais consistem de colinas e montanhas. Extendem-se a oeste até as colinas próximas ao Dente Dourado da Casa Lefford, e à fortaleza de Donzelarrosa, dos Piper, ao sul até a Estrada do Ouro, fazendo fronteira com a Campina, a leste até o Mar do Poente, e a norte até a Baía dos Homens de Ferro.

Por suas colinas e montanhas, suas fronteiras com as Terras Fluviais são bem defensáveis, sendo a principal passagem entre as montanhas guardada pelo Dente Dourado, um castelo que controla o acesso à Estrada do Rio. Do sul, a principal entrada é a Estrada do Mar. É mais acessível do que o Ramo Vermelho, mas a floresta em Paço de Codorniz dá aos homens do oste uma boa linha de defesa. As Terras Ocidentais, entretanto, são vulneráveis a um ataque pelo mar, já que sua costa é plana e pode ser facilmente invadida - motivo que fez das Terras Ocidentais um dos principais alvos dos ataques dos Homens de Ferro.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M
Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 11:52:13

Pedra do Dragão

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Pedra do Dragão é o nome de uma ilha localizada na entrada da Baía do Água Negra, e também do castelo no topo da ilha, construído na forma de dragões. Pedra do Dragão foi, originalmente, sede da Casa Targaryen em Westeros durante o Império de Valíria, após sendo usada como assento do herdeiro (o Príncipe da Pedra do Dragão), após sua conquista dos Sete Reinos. Após Robert Baratheon ter deposto os Targaryen, ele deu a ilha a seu irmão Stannis, fundando a Casa Baratheon de Pedra do Dragão. O castelo possui uma reputação negra. Boa parte da Frota Real esta ancorada em Pedra do Dragão.

Pedra do Dragão é uma ilha vulcânica na foz da Baía do Água Negra, criada pelo vulcão ativo, Monte Dragão. O castelo de Pedra do Dragão é uma pequena fortaleza localizada na face do vulcão. Fora de suas muralhas, há uma pequena vila de pescadores na costa tempestuosa.

Sob o Monte Dragão, há ricos depósitos de vidro de dragão. A uma pequena distância da costa fica a ilha de Derivamarca, sede da Casa Velaryon, outra casa valiriana. Pedra do Dragão, apesar de antiga e forte, é lar do suserano de poucos Lordes pequenos, cujas ilhas são pouco populosas e não oferecem grande número de soldados.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M



A Campina

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A Campina é uma das regiões que constituem o continente de Westeros, e já foi uma nação soberana conhecida como Reino da Campina antes da Guerra da Conquista. A Campina é governada do castelo de Jardim de Cima pela Casa Tyrell. É uma das maiores regiões dos Sete Reinos (atrás apenas do Norte), e considerada a mais fértil e populosa região de Westeros.

A Campina é considerada o lugar do cavalheirismo em Westeros. É o lugar onde a cavalaria é vista com a maior reverência e estima. É também o lugar onde as regras de torneios são mais rigorosas e respeitadas. Bastardos nascidos na Campina recebem o sobrenome Flowers (flores).

A Campina compreende a região mais fértil de Westeros, com diversas vilas e aldeias populosas. Faz fronteira com o Mar do Poente a oeste, com as Montanhas Vermelhas a sudeste, com as colinas das Terras Ocidentais a noroeste e com o Água Negra a nordeste. A região também inclui diversas ilhas, como as Ilhas Escudo, na foz do Vago, e a Árvore, a sul da Enseada dos Murmúrios.

Três principais estradas cruzam a região, ligando a Campina com as Terras da Coroa e as Terras Ocidentais:

A Estrada da Rosa, que liga Vilavelha a Porto Real, passando por Jardim de Cima.
A Estrada do Oceano, que liga Jardim de Cima a Carvalho Velho.
E a Estrada do Mar, que liga Carvalho Velho a Lannisporto.

A Campina é irrigada pelo imenso rio Vago, e seus diversos afluentes, como o Arroiazul e o Molusqueiro.
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M
Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Balerion em Sex 24 Nov - 11:56:44

Ponta da Tempestade

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

As Terras da Tempestade são uma das regiões que constituem os Sete Reinos no contimente de Westeros. Foi uma nação soberana de mesmo nome até a Guerra da Conquista, na qual o último Rei da Tempestade foi morto. As Terras são governadas do castelo de Ponta Tempestade pela Casa Baratheon. São chamadas assim pelas frequentes e poderosas tempestades que afligem a costa. Bastardos nascidos nas Terras recebem o sobrenome "Storm".

As Terras da Tempestade se localizam ao sul de Porto Real, fazendo fronteira a oeste com as terras da Campina, ao sul com o Mar de Dorne e a leste com a Baía dos Naufrágios. É uma das menores regiões de Westeros, uma terra de montanhas severas, costas pedregosas e florestas verdejantes, incluindo a Mata da Chuva e a Mata de Rei ao longo do Cabo da Fúria.

A Marca de Dorne, localizada a sudoeste, que se estende ao longo das Montanhas Vermelhas, funcionam como uma 'zona de amortecimento' efetiva entre as Terras da Tempestade e seus antigos inimigos na Campina e em Dorne. Por séculos foi um frequente campo de batalha, trocando de mãos mais de uma vez até que Dorne se tornou parte dos Sete Reinos.

Algumas ilhas, incluindo Tarth e Estermonte também são consideradas parte das Terras da Tempestade. Navios que atravessam o Mar Estreito evitam a famosa Baía dos Naufrágios e suas tempestades (que fazem jus ao nome), apesar de os mares ao seu entorno serem claras e azuis. As águas ao redor de Tarth são particularmente famosas por sua cor azul cristalina, dando a Tarth o nome de "Ilha Safira".

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M



Dorne

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Dorne é uma grande península, correspondente a parte meridional de Westeros, e é uma das regiões que constituem os Sete Reinos. Sua capital é Lançassolar, e os Lordes da Casa Martell, que controlam a região, ainda se denominam Príncipe e Princesa, no estilo Roinar.

Dorne é a região mais quente de Westeros. A região é pedregosa, montanhosa, árida e seca, e contém o único deserto do continente. Seus rios fornecem algumas terras férteis e mesmo durante um longo verão, há um pouco de chuva e outros suprimentos que mantém Dorne habitável. A água no interior da região é tão valiosa quanto ouro, e os poços são fortemente guardados.

Suas fronteiras são o Mar de Dorne ao norte, as ilhas conhecidas como Degraus a leste e o Mar de Verão ao sul. Espremido entre eles se encontra a cadeia de montanhas conhecidas como Montanhas Vermelhas, que separa Dorne do restante dos Sete Reinos por terra.

Existem duas passagens principais pelas Montanhas Vermelhas, ligando Dorne à Campina e às Terras da Tempestade. O Passo do Príncipe, ligando Alcanceleste em Dorne até Nocticantiga nas Terras da Tempestade; e o Caminho do Espinhaço, ligando Paloferro até as ruínas de Solarestival.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]&M
Balerion
avatar
Staff

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ambientação do Reino

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum